Prefeitura Municipal de São Miguel do Tapuio - Respeito a nossa gente

CAPS de SMT promove capacitação para profissionais da área da Saúde

O evento foi realizado no auditório do Bolsa Família, teve como palestrante a Psicóloga Clínica, Layone Holanda.

Data de publicação: Quinta, 05/09/2019, 11:56h

Font minus   Font plus
CAPS de SMT promove capacitação para profissionais da área da Saúde

Em alusão à campanha “Setembro Amarelo”, mês de conscientização sobre a importância da prevenção do suicídio, o Centro de Atenção Psicossocial (CAPS) de São Miguel do Tapuio, realizou na quarta-feira (04), no auditório do Bolsa família, uma capacitação com a presenças de vários profissionais da área da saúde.

 

O evento iniciou às 8h e teve como palestrante a Psicóloga Clínica, Layone Holanda, que é mestre em Saúde da Família, especialista em Terapia Cognitiva Comportamental e Análise do Comportamento, com formação em Manejo Clínico de Pessoas com Comportamento Suicida. Layone compõem o Núcleo Estadual de prevenção ao suicídio de Teresina e é Psicóloga voluntária da ONG Centro Débora Mesquita.

 

O principal objetivo foi sensibilizar e alertar os profissionais da área da saúde e que atende usuários no município, para um olhar diferenciado diante dessa questão, propondo um cuidado especial na identificação, abordagem, e manejo de um possível paciente suicida.

 

Antes da palestra, aconteceu uma apresentação do grupo de jovens adolescentes do Serviço de Convivência e Fortalecimento de Vínculos, que é mantido pela prefeitura do município, através da Secretária Municipal de Promoção, Assistência Social e Trabalho.

 

Durante a palestra, a Psicóloga Layone Holanda explicou que o suicídio é multifatorial, complexo e multicausal sendo necessária para uma efetiva prevenção, o amplo envolvimento dos setores da sociedade, a participação da família, atendimentos acolhedores nas redes de saúde, de educação, de segurança, nos serviços de urgência e emergência. “É possível sim prevenir o suicídio, basta entendermos que é uma tarefa de muitas mãos e que todos nós podemos fazer algo para contribuir positivamente na vida de alguém”, disse Layone.

 

Segundo a Organização Mundial da Saúde, cerca de 800 mil pessoas morrem por suicídio todos os anos, portanto, torna-se evidente que é um grave problema de saúde pública. Ainda conforme a OMS, o Brasil está dentre os países com maior número de suicídios, atrás de Índia, China, Estados Unidos, Rússia, Japão, Coreia do Sul e Paquistão. 

 

Além dessa capacitação, o CAPS de São Miguel do Tapuio realizará dia 09/09, as 14h, no auditório do Bolsa Família, uma palestra com o psiquiatra Rafael Mendes de Brito. No dia 17/09, as 16h30min, também no Auditório do bolsa família, acontecerá outra palestra com um profissional do CVV (Centro de Valorização da Vida). No dia 18/09, às 16h30min, será encerrada a programação do Setembro Amarelo, com uma Pedalada “Pedal pela vida”.




Mais notícias